Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Qua | 15.05.19

Maria #24

Purpurina
A Maria, a brincar no quarto com as bonecas, começa a rabujar com elas. Da sala, ouvimos o seguinte: "Ai, ai ai... Caramba pá! Que mania!" Que risota! Ela diz isto com tanta graça. Está claramente a interpretar uma personagem. Achamos que é a da Educadora dela porque cá em casa não usamos estas expressões. Até usamos outras piores e menos adequadas, mas não estas. :D
Ter | 07.05.19

Maria #21 A roubar bolachas à irmã mesmo debaixo do seu nariz

Purpurina
Fomos fazer um piquenique ao parque da cidade e passar lá a tarde. Para comer levei fruta, iogurtes e umas bolachas torradas, pequeninas.  Dei uma caixinha com bolachas a cada uma das miúdas, cada uma com o mesmo número de bolachas. A Maria ficou sossegada a comer as bolachas e a Lara, como de costume, ia-se distraindo com várias coisas e estava sempre a sair do lugar para ir brincar. Sempre que a Maria a via a afastar-se, fazia um ar muito sério, compenetrado e algo suspeito (...)
Dom | 05.05.19

As conversas da Maria #2

Purpurina
A Maria pede para ver desenhos animados, depois de ter estado a brincar com livros no quarto. "Está bem, mas primeiro tens que arrumar os livros." digo eu. "Não posso mãe. Estou cansada de arrumar." responde ela, com um ar muito importunado (e um pouco indignado).
Qua | 01.05.19

Adorei vê-las a fazer isto! E ficou tão giro!

Purpurina
Vi esta atividade no canal de Youtube da Flávia Calina e resolvi a experimentar com as miúdas mas nunca pensei que corresse tão bem. Elas fizeram, praticamente sozinhas, uma árvore de cerejeira cada uma, com galhos secos e papel de seda. E é mesmo simples. Tudo o que precisamos é de galhos secos, papel de seda rosa claro e rosa mais escuro (e branco se quiserem), tesoura para cortar o papel (...)
Ter | 30.04.19

Coisas que se veem cá por casa

Purpurina
Primeiro oiço a Lara aos gritos a dizer que a Maria quer colar um macaco na camisola dela. Olho pela porta aberta da cozinha e vejo a Lara a correr de um lado para o outro do corredor para o quarto. Dois metros depois, vejo a Maria a correr atrás da Lara de dedo em riste.  Isto é magnífico. Bom... às vezes também estão sossegaditas a ler, como na foto. 
Dom | 28.04.19

As minhas filhas estão a dormir na mesma cama

Purpurina
Têm dormido as duas. E muito bem. Foi o Milton que conseguiu a proeza e assim têm dormido muito bem. O inicio da noite é sempre mais atribulado com muitos “Mãeeeeeee” e “Paiiiiiiii” até se dignarem a adormecer. Mas, uma vez sossegada, dormem a noite toda perfeitamente. Com isto resolve-se a questão das camas para as miúdas. Confesso que ainda não tínhamos chegado a conclusão nenhuma. Para já, ficam muito bem as duas na cama da Lara, que é uma cama de pessoa e meia, (...)
Qui | 25.04.19

Eduardo, os 7 meses

Purpurina
O miúdo continua um pachorrento e um fofinho. Para ele está sempre tudo bem, desde que tenha a barriguinha cheia e esteja ao colinho. Está praticamente sempre ao colo. Às vezes, basta inclinar-me um pouco para o colocar na alcofa e já ele começa a espernear. Continua a mamar muito bem e a comer a sua sopa e para de fruta em 5 minutos. Agora percebo porque sempre mamou em 5 minutos e continuava a ganhar peso: o rapaz come à velocidade da luz.  As noites é que não têm sido as (...)
Qua | 10.04.19

Passei um fim de semana a brincar com bonecas

Purpurina
A "Teresa" a fazer yoga no seu tapete. Neste fim de semana não nos apeteceu sair muito de casa. Saímos no sábado de manhã para um parque infantil novo onde ficámos até à hora de almoço e foi só. O resto do fim de semana foi todo em casa. O tempo não estava grande coisa e tendo em consideração a logística que implica sair com três crianças pequenas, optámos por passar o fim de semana a brincar com os miúdos no conforto do lar. Assim, entre outras atividades e (...)
Seg | 08.04.19

Coisas de irmãs #6

Purpurina
As miúdas ainda acordam relativamente cedo (pelas 7h00) mas há dias em que são 8h00 e eu e o Milton ainda conseguimos estar na cama sem ouvir ninguém a chamar-nos. Num desses dias, já passava das 8h00 quando vou ao quarto das miúdas ver se ainda estavam a dormir. Estavam acordadíssimas. A Maria estava em pé no berço e a Lara estava ao pé dela, fora do berço, a contar-lhe uma história. Coisas mais boas. :)
Dom | 07.04.19

As conversas da Maria #2

Purpurina
De manhã, a coloca-la na cadeirinha de passeio para a levar para a escola. Eu: "Então Maria, vamos para a escola ter com a C (educadora)?" Maria: " A C está contente comigo?" Eu: "Está, Maria. A C está contente contigo." Maria: "E a mãe? E o pai? E a Lara?" Eu: "Estamos todos muito contentes contigo." Maria (muito séria, como quem vai dizer uma coisa muito importante): "A Maria hoje não bateu na Lara, nem no pai, nem na mãe..." (Vai dizendo isto como se fosse um grande feito.)
Qui | 04.04.19

Esperei muito por este momento!

Purpurina
E, finalmente, chegou. O dia em que as minhas filhas passaram a ser verdadeiras cúmplices, amigas e companheiras. No início, quando a Maria nasceu, a Lara ainda era um bebé com 2 aninhos. Nunca senti que existissem ciúmes nessa altura e, mesmo tão pequenina, a Lara sempre foi muito cuidadosa e meiguinha com a irmã. Quando a Maria começou a crescer e a impor-se (mais ou menos a partir de um ano e meio) começaram os conflitos entre as duas, que se agudizaram cada vez mais até (...)
Seg | 25.03.19

As conversas da Maria #1

Purpurina
Logo pela manhã, que é quando se começa o dia, a Maria mostra um sentido de humor muito peculiar. Vai ter com o pai à casa de banho e pergunta: "Pai, posso vomitar para  a banheira?" E faz: "Blarrrrghhhhh" (a fingir que vomita). Depois ri-se muito. É isto.  
Ter | 12.03.19

10 atividades aleatórias para fazer com os miúdos ao fim de semana

Purpurina
1- Teatrinho de papel 2- Explorar a natureza com um mini microscópio. 3- Ler uma história. 4- Comer um gelado.  5- Deixá-los brincar livremente, dando asas à sua imaginação. 6- Fazer jogos de tabuleiro na biblioteca. Ou em casa. 7- Fazer colares e pulseiras. Adoramos esta! 8- Fazer jogos de construção com Magnatiles e bonecos de Lego. 9- Ver um filme a comer pipocas. Clássico. 10- Colorir desenhos.  
Qui | 07.03.19

Maria #21

Purpurina
A Maria pega num livro (que tanto pode ser um livro de histórias como uma daquelas enciclopédias ilustradas para crianças) e põe-se a “lê-lo” da seguinte forma: descreve o que vê nas imagens da página e diz: “então...” e vira a página começando a descrever a página seguinte. Volta ao “e então” e assim continua até ao fim do livro. E eu fico maravilhada a ouvi-la. Coisa mais boa da sua mãe. 
Qui | 28.02.19

Ela já sabe escrever

Purpurina
Bom... O seu nome, o nome da irmã, pai, mãe ... e cocó (cada um com os seus interesses). Também me pede para soletrar o nome dos amigos e vai escrevendo num papel, com maiúsculas cada vez mais bem desenhadas. Conhece todas as letras há muito tempo mas não me tinha apercebido que já as desenhava tão bem. Fiquei surpreendida na última vez que vi o que escreveu e perguntei-lhe se estão a ensinar na escola. Ela disse que não, que estão a ensinar os números. A professora, (...)
Qua | 27.02.19

Eduardo, os 6 meses

Purpurina
Aos 6 meses o Eduardo continua um fofinho sorridente e bem disposto, embora um pouco mais refilão. Alimentação Já come duas sopas por dia, uma delas com carne de frango ou peru e fruta. Ainda só lhe demos puré de pera crua. Come bem a sopa mas tem preferência por puré de cenoura e de brócolos (sempre com batata doce). Não gosta muito de curgete nem de couve flor. Por conselho da pediatra optamos por não lhe dar papa. Para além da sopa tem o leite materno. Personalidade Co (...)
Seg | 25.02.19

Adoro esta família de 10 filhos

Purpurina
Descobri esta família nas sugestões do Youtube e fiquei logo viciada nos vídeos. Sempre que tenho uma oportunidade (normalmente enquanto dou de mamar ao Eduardo) vejo os vídeos que a mãe, Taina, coloca no seu canal. São finlandeses (mas a mãe cresceu na Austrália) e vivem com os filhos (têm 10) numa casa maravilhosa numa zona rural da Finlândia. Na verdade vivem com 9 filhos (que têm idades que vão do bebé de 1 ano a uma rapariga de 18 anos) porque o filho mais velho, de 20 (...)
Dom | 24.02.19

Sobre as diferenças entre as minhas filhas

Purpurina
  Já tinha dito aqui que são totalmente diferentes: física e psicologicamente. E, à medida que crescem e as suas personalidades se vão definindo, essa diferença é ainda mais notória. Acho isso maravilhoso com todos os desafios que proporciona, tal como estar sempre um pouco impreparada para os 2 anos da Maria, apesar de já ter passado por isso com a Lara.  Não as vou comparar, até porque ando a tentar evita-lo de forma consciente, mas vou tentar resumir a personalidade de (...)
Qua | 20.02.19

E, de repente, elas são as melhores amigas

Purpurina
Quando a Lara soube que a Maria ia nascer ficou muito feliz. Apesar de ter apenas 2 anos quando lhe dissemos posso dizer com clareza que ficou feliz e entusiasmada. Ela sempre foi muito sensível e percebia quando lhe dizia que a irmã ia crescer e ser muito amiga dela. A Maria nasceu e a Lara desde o primeiro dia que era carinhosa e cuidadosa com ela. Correu tão bem que eu senti, mesmo, que era mais fácil ter duas filhas que apenas uma. Até que a Maria cresceu mais, começou a (...)
Seg | 18.02.19

Quem tem amigas artistas tem tudo

Purpurina
Já conhecem o meu (pouco) jeito para fazer as coisas artísticas que pedem na escola dos miúdos. Claro que quando os educadores e professores pedem para fazermos as tais "artes" não nos pedem nada fenomenal ou digno de um prémio, mas nenhum pai que se preze quer deixar os filhos "ficar mal". De modo que eu faço sempre um esforço para fazer coisas giras (o que mete sempre glitter e cor de rosa ao barulho, já se sabe). Mas, na última vez que pediram algo, fui apanhada desprevenida (...)