Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Seg | 03.05.21

Lara #44

Purpurina
A Lara recebeu um diário muito fofinho no seu aniversário. Para mim, é um presente muito especial. Tive dezenas de diários e adorava escrever neles. Só deixei de o fazer com mais de 20 anos, quando passei a ter blogues. À noite, depois de meter os miúdos na cama, estava a conversar com a Lara e a explicar-lhe porque é que um diário era tão especial, para que servia e que tipo de coisas ela poderia escrever nele: as coisas que tinham acontecido, as coisas que a deixavam mais (...)
Seg | 19.04.21

A Lara fez um Workshop de pintura nas férias da Páscoa

Purpurina
O Milton já queria inscrever a Lara num Workshop de pintura lecionado pelo Martim Cymbron há 2 anos. O workshop era para crianças maiores por isso não foi nesse ano. Inscrevemo-la nas últimas férias de Páscoa.  A Lara sempre gostou muito de pintar e desenhar, e está sempre a inventar coisas. Copia os quadros que temos cá em casa e, no nosso olhar muito pouco objetivo de pais, achamos que o faz (...)
Sex | 16.04.21

A Lara escreveu um livro de auto ajuda para a mãe

Purpurina
Para mim, portanto. Digamos que tenho uma personalidade ansiosa e um pouco controladora, o que me faz levantar a voz com facilidade e ter um toque nervoso na forma de falar, quando a coisa não está a modos de me parecer bem. Neste contexto, os meus filhos (em especial as raparigas) queixam-se um bocado e chamam-me "mãe gritona".  Em minha defesa afirmo que não costumo andar aos gritos com os miúdos por tudo e mais alguma coisa. Tenho é uma forma de falar algo acelerada e um ou (...)
Sab | 03.04.21

Os 7 anos da Lara e uma reunião de amigas

Purpurina
Quando a Lara fez 6 anos, fizémos uma festa na escola, com pula-pulas e todos os colegas da turma. Na altura, já com o Covid-19 presente nas vidas de todos, pensei muito se devia fazer a festa ou não. Decidi fazer. Estariam presentes apenas as pessoas que estavam com ela todos os dias, mais as senhoras da empresa dos pula-pulas e nós, os pais. Claro que me assegurei que tomávamos todos os cuidados possíveis para prevenir qualquer contágio. Na altura, não estavam em vigor regras (...)
Qui | 18.03.21

Lara #43

A amorosa

Purpurina
No dia da mulher, a Lara chegou a casa com um cartão para mim, feito por ela. Ela estava à espera de fazer algo nas aulas, acho que pensava que era o dia da mãe e, como não fez, aproveitou o tempo na escola depois das aulas, para me fazer um cartão cheio de corações. E não foi um cartão qualquer. Foi um cartão em 3D, com uma borboleta que saltava  das núvens, quando o abria.  Fiquei tão feliz com o cartão da Lara que a enchi de beijos e abraços. Como é que uma (...)
Ter | 16.03.21

As surpresas da Lara

Purpurina
  Numa manhã de sábado, fui dar umas voltas à baixa da cidade com a Lara. Fui buscar lentes de contacto, fazer umas compras rápidas e comprar um livro para ela. Na livraria, deram-me um bloco com listas de compras muito giro. A caminho de casa parámos numa esplanada para beber café e um sumo, e para explorarmos as nossas mais recentes aquisições. Aproveito sempre estes momentos em que estou sozinha com um dos meus filhos para conversar sobre os seus pensamentos e também para (...)
Qui | 10.12.20

Lara #42

Uma pulseira da amizade

Purpurina
Eu gostaria de colocar neste texto a tag "educação" mas, em abono da verdade, não posso. Acho mesmo que isto, em particular, não está relacionado com educação. A Lara sempre foi uma menina muito sensível  e sempre procurou fazer algum tipo de agrado às outras pessoas, mesmo que tivesse vergonha de o fazer. Às vezes faz presentes para alguém e pede-me que seja eu a entregar. Tento contrariar um pouco essa "reserva", mas aceito e respeito. Eu sou igual (na reserva e não tanto (...)
Ter | 08.12.20

Lara #41

Purpurina
Hoje à noite, a Lara pediu-me para ficar um bocadinho ao pé dela na cama. Os irmãos já dormiam e ficámos a conversar um bocadinho, baixinho. A determinada altura, aproveitei para lhe pedir desculpa pelas vezes que gritei com ela e me enervei. Disse-lhe que às vezes tenho que lhe chamar a atenção, mas que gritar é sempre algo a evitar. Disse-lhe, também, que quando grito com ela a culpa é sempre minha e não dela. Diz-me ela: "Sabes, acho que gritas muito porque tens a (...)
Sab | 28.11.20

Coisas de irmãos #2

Purpurina
  Fiquei um minuto inteiro sem ouvir barulho o que, num apartamento com três crianças pequenas (acordadas), é praticamente uma impossibilidade. Fui ao meu quarto, ao quarto deles... nada. Na cozinha ninguém, na sala também não.  Não suspeitei da casa de banho porque a porta estava fechada e não costumam ir para lá. Quando abri a porta da casa de banho, lá estavam os três, sentados numa roda, às escuras. A Lara, com uma lanterna, contava histórias assustadoras baixinho. (...)
Sab | 07.11.20

A melhor amiga da Lara

Purpurina
Desde os 2 anos que a Lara tem o mesmo melhor amigo e a mesma melhor amiga. Tem outros amiguinhos, de quem gosta muito, mas estes sempre foram os "melhores amigos". São amigos que a Lara escolheu, crianças com quem sente uma afinidade especial. E eu, que não tinha amigos escolhidos por mim com esta idade, ainda estou a aprender sobre a dimensão destas amizades aos 6 anos. Hoje, aprendi mais um pouco. Ontem, a Lara disse-me que ia haver uma corrida na escola, entre as turmas do 1º (...)