Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Seg | 02.05.22

Tag Isto ou Aquilo #1

Purpurina
Ser diplomático ou ser realista? Acho que é melhor ser diplomático, mas, geralmente, sou realista. Agir pela emoção ou pela razão? Devemos agir pela razão, mas, muitas vezes, deixo-me levar pela emoção. Estou a trabalhar nisso. Esconder os seus sentimentos ou mostrá-los sempre? Normalmente mostro. Os mais íntimos escondo, mas só das pessoas que não precisam de os conhecer. Ser sincera ou dizer o que as pessoas querem ouvir? Ser o mais sincera possível, sem ferir os (...)
Seg | 28.03.22

Formas de ganhar o meu coração

52 semanas de 2022 #13

Purpurina
Desafio de escrita criativa  "52 semanas de 2022" 1- Mostrar-me músicas, filmes, livros, correntes de pensamento ou formas de arte que eu não conheço e que me prendam completamente a minha atenção. Quem, alguma vez, me mostrou músicas fantásticas que eu não conhecia, tem um lugar muito especial na minha mente, ou coração ou lá onde seja. 2- Tratar bem os meus (...)
Qui | 24.02.22

As minhas preferências numa série de tópicos mais ou menos banais

O que preferes?

Purpurina
Ora vamos lá a uma destas publicações lúdicas que tanto serve para nada, como para vocês me conhecerem um bocadinho mais, como para eu me divertir a escrever estas coisas neutras e que não mudam a vida de ninguém. Isto também não pode ser só trabalhar, lavar roupa e fazer coisas potencialmente interessantes e úteis, não é? Vamos a isso. Viver num lugar super movimentado 24 horas por dia ou um lugar sempre calmo onde ninguém passa? De caras, viver num lugar super (...)
Sex | 18.02.22

52 semanas de 2022 #8

Amizades do coração

Purpurina
Desafio de escrita criativa  "52 semanas de 2022" Em geral, não sou uma pessoa de muitos talentos. Tenho, todavia, orgulho num discreto talento que acredito ter: capacidade para selecionar bem as pessoas com quem passo tempo. Tenho a certeza de que existem imensas pessoas boas e interessantes no mundo, mas os meus amigos são, com certeza, algumas dessas pessoas. Não (...)
Sab | 12.02.22

Sobre um rapaz, sobre bullying e sobre todos nós

Purpurina
A minha filha de 7 anos contou-me que um dia, umas meninas na escola gozaram com os sapatos dela, porque estavam velhos e gastos. Ontem, contou-me que, enquanto varria do chão da escola algo que tinha sujado, um menino passou e riu-se dela enquanto a chamava de varredora (isto é mesmo um insulto?!!!) Um dia, no aniversário de um amiguinho, a Lara, que na altura tinha 5 anos, estava a rir-se de outra menina, porque era mais gordinha. Foram excelentes oportunidades de ensinar à (...)
Qui | 18.11.21

O dia em que descobri a Filosofia como disciplina

Purpurina
Tinha 14 anos e estava no 10º ano, na primeira aula de Filosofia. Provavelmente a professora estaria a falar dos conteúdos que íamos dar durante o ano ou algo do género e eu fiquei logo extremamente surpreendida. Lembro-me perfeitamente de ter pensado: "A sério que é isto que vou estudar?! Pode ser mesmo real o facto da matéria escolar ser tudo o que povoa a minha mente desde que me lembro de existir?!" Achei aquilo extraordinário! Nunca imaginei, ao longo do meu percurso (...)
Qui | 21.10.21

As máscaras que passámos a usar fazem-nos ver as pessoas mais bonitas?!!!

Purpurina
Há cerca de dois anos que, em certos contextos, só vemos as pessoas de máscara. É o caso de cabeleireiras, esteticistas, funcionários de lojas, restaurantes, entre muitos outros. Um dia destes, dei por mim a refletir num fenómeno que achei interessante e que, julgo, atingirá a maior parte de nós. Quando tenho algum tempo para conversar com alguém que está de máscara, imagino o seu rosto de determinada forma, de acordo com as impressões que tenho da pessoa. Se é uma pessoa (...)
Qui | 12.08.21

Desabafos de uma mãe de três

Purpurina
Tenho passado muito tempo a gritar com os miúdos. Os meus vizinhos saberão. Esforço-me por evitar. Mesmo. Acho que temos melhorado alguma coisa, mas sinto-me meio louca quando tento dizer-lhes calmamente para pararem de se agredir uns aos outros (por exemplo). -Olha Lara, querida, pára de pontapear a tua irmã. -Eduardo, fofo, não arremesses esses objetos rijos em todos os sentidos, muito menos na direção de seres humanos, está bem? Às vezes não dá. Nota-se muito que (...)
Seg | 26.07.21

Vamos conversar? O que é que gostavam de saber?

Purpurina
Confesso que estou numa fase desinspirada para escrever. Não sei bem o que dizer, o que é útil dizer ou o que poderia ser interessante aqui, nesta altura. Por isso, para quem está desse lado, peço-vos que me deixem algumas questões que gostassem de ver desenvolvidas por aqui: maternidade, minimalismo, relações, pensamentos, trabalho, filosofia de vida, dificuldades, facilidades, família, organização da casa, família numerosa, educação, escolas, escolhas, reflexões... O (...)
Seg | 12.07.21

Eu, na varanda, antes de estender a roupa

Sobre a Contemplação

Purpurina
Focar, contemplar ou estar completamente presente é um desafio enorme para mim. Por vezes, quando medito (ou tento meditar), faço um esforço mesmo grande para me concentrar em algo ou para estar completamente presente naquele momento. É sempre difícil. Mas existem duas situações em que a contemplação me surge natural e irresistivelmente. Quando oiço música e quando viajo para um sitio completamente diferente. No outro dia, de uma forma inesperada, entrei num estado de (...)