Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Qui | 26.07.18

Aquele momento #2

Purpurina
 Em que estás a passear no meio de um jardim, a observar as árvores e a natureza, e a tua filha de 4 anos te informa que tem que fazer cocó - tipo já - e a casa de banho mais próxima fica a uns minutos de distância.Perguntas-lhe se aguenta e ela diz claramente, e algo aflita, que não.E decides, em 3 segundos, levar a miúda para trás de um arbusto e deixá-la fazer cocó ali mesmo. E enquanto tentas apoiar a miúda numa situação mais ou menos confortável e tentas não cair com (...)
Qua | 25.07.18

Ironias da maternidade #1

Purpurina
   Lembro-me bem de ter vinte e poucos anos e achar a maior parte das criancinhas extremamente irritante.A coisa acentuou-se durante os anos em que trabalhei numa loja de roupa de crianças e via coisas que considerava bastante caricatas (na verdade considerava-as horrendas): miúdas a 3 anos a darem valentes estaladões nos pais porque não queriam vestir (ou despir) uma roupa; crianças que mandavam artigos da loja ao chão e se punham a pular em cima deles, outros que tiravam (...)
Sex | 20.07.18

Aqueles dias fantásticos #1

Purpurina
 Ao fim de semana, em que o Milton pode ficar um bocadinho mais na cama e as miúdas portam-se lindamente ao pequeno-almoço.Consigo sentar as duas à mesa e comem, cada uma o pequeno-almoço da sua preferência, sem brigas, sem birras e sem muito barulho.Parecendo que não, há mesmo dias assim. 
Qui | 12.07.18

Senti-me tão feliz pela minha filha! E por mim também.

Purpurina
 Sempre fui uma criança tímida. Hoje ainda sou tímida, mas em criança a minha insegurança e a minha timidez eram muito mais acentuadas, impedindo-me de vivenciar as coisas com descontração e alegria.Nunca tive muitas crianças (ou adultos) com quem brincar e mesmo quando entrei na escola pela primeira vez (ainda tinha 5 anos) nunca fiz muitos amigos nem brincava muito com as outras crianças. Lembro-me de estar permanentemente assustada, insegura e com medo de qualquer coisa. A (...)
Seg | 09.07.18

O desfralde da Maria #1 Os primeiros 2 dias em casa

Purpurina
 Começámos o desfralde da Maria mal ela fez os 2 anos de idade.Não foi propriamente pela idade mas foi porque começaram a fazer o desfralde na creche e a Maria já mostrava sinais de estar preparada:- Comunica muito bem e diz claramente chichi e cocó.- Já fez vários cocós e chichis no bacio.- Mostra quando tem vontade de fazer chichi ou cocó e diz quando fez.Como vamos ter mais um bebé daqui a menos de um mês, achámos por bem pedir na creche que iniciassem o desfralde da Maria (...)
Dom | 08.07.18

Maria #12

Purpurina
 Quase todos os dias é a mesma coisa.Vamos busca-la à creche e logo que nos vê começa a fugir para o fundo da sala a correr.Ela quer continuar a brincar e nunca tem vontade de sair da escola. :DTem que ser uma das senhoras da creche a ir busca-la ao colo e, algumas vezes, ela vem de má cara e a reclamar.Quando chega ao carro, fica mais bem disposta e começa a cantarolar e a brincar com a Lara, mas para sair da creche é sempre a mesma coisa. :PSó não fico envergonhada porque a (...)
Sex | 06.07.18

Elas fazem sempre uma festa antes de dormir!

Purpurina
 E nós não nos importamos nada.Há alguns dias começámos a deitar a Lara e a Maria ao mesmo tempo, às 21h00. Antes, a Maria dormia pelas 20h00 e a Lara pelas 21h00.Agora aguentamos a Maria até às 21h00: fazemos a rotina normal e depois brincamos e lemos histórias até à hora de dormir. E tem corrido muito bem.Elas ficam sempre na brincadeira, cada uma na sua cama, a cantar, a rir e a fazer palhaçadas. Às vezes isso dura uma hora.No inicio nós íamos lá dizer para se (...)
Qui | 05.07.18

Carla, a mãe chata

Purpurina
  A Lara estava na banheira a brincar, depois do banho, e eu estava com o Milton e a Maria na sala. Às vezes deixamo-la uns minutos a brincar na banheira enquanto fazemos outra coisa qualquer. Já tem 4 anos e julgo que é seguro mas fico sempre meio desconfortável quando não a estou a ver.Eu: "Lara está tudo bem?"Lara: "Sim!"Eu: "Não te levantes, está bem?"Lara: "Sim."Passam 3 minutos. Continuo a ouvir splash splash.Eu: "Lara tudo bem?"Lara: "Siiiim."Eu: "Não te levantes."Lara: (...)
Qua | 04.07.18

Momentos mesmo muito relaxantes...

Purpurina
 Em que estou no sofá com as miúdas, a Maria com as perninhas em cima das minhas, toda recostada e descontraída, a ver um filme para crianças.É mesmo muito bom!O único senão é que tem a duração máxima de 2 ou 3 minutos.A não ser que existam pipocas envolvidas na situação. :D 
Dom | 01.07.18

2 anos de Maria

Purpurina
 A Maria foi muito desejada. Mesmo muito.Todos os meus filhos foram desejados mesmo quando vêm de surpresa mas a Maria representa o que sempre desejei desde pequena. Sempre disse que, a ter filhos, gostaria de ter mais que um.O parto dela foi mais fácil que o da Lara e só foi necessário uma enfermeira parteira e uma assistente (apesar do parto estar a ser provocado há 3 dias, como o da Lara).Emocionei-me imenso quando a vi e achei-a perfeita. Esta muito séria e até parecia zangada.
Sab | 30.06.18

Como a Lara me vê

Purpurina
 Há dias trouxe um livro da biblioteca sobre o desenvolvimento do bebé desde a gravidez até ao primeiro ano de vida.Li-o várias vezes à Lara e à Maria, a pedido delas.Numa dessas vezes, na parte da preparação da chegada do bebé, há uma imagem da mãe a descansar e do pai a preparar o berço.Diz a Lara:"Mãe, tu também fazes estas coisas que o pai faz!""Esta mãe é tarouca, não faz nada."Lá lhe expliquei que aquela mãe está sentada porque está cansada, tal como eu também (...)
Ter | 26.06.18

Ser pai não é nada fácil

Purpurina
 É a melhor coisa do mundo, sem dúvida, ou não estivessemos quase com o terceiro filho em 5 anos, mas apresenta os maiores desafios que já tive que enfrentar. E o que é que não é fácil: Ficar vários anos sem ter uma noite de sono completa e acordar a meio da noite toda estremunhada (eu e o Milton) para mudar roupa de cama com chichi, acalmar um choro (ou dois) e inventar formas de acalmar crianças quando estamos com o cérebro a meio gás. Acordar todos os dias pelas 7h00 da (...)
Qua | 20.06.18

As 34 semanas de gravidez do terceiro filho

Purpurina
 Nos últimos 5 anos, a minha vida tem sido estar grávida, amamentar, estar grávida novamente, amamentar e engravidar novamente. E tem sido maravilhoso!Consequentemente, nesta gravidez, sinto-me no meu estado normal e já não assinalo grandes mudanças ou grandes diferenças em relação às outras vezes.Há diferenças sim. Desta vez é um menino, desta vez tive enjoos, tive questões com esta gravidez que não tive antes e deixei de ter outras que tinha tido na gravidez da Lara e da Maria.Posso dizer que nenhuma gravidez é igual ainda assim, são parecidas.
Qui | 14.06.18

As nossas manhãs caóticas ou... como tentamos ensinar os filhos a lidar com a frustração

Purpurina
 A Lara e a Maria têm cada uma uma chávena e uma taça diferentes. As primeiras foram oferecidas, entretanto, uma partiu-se e eu substituí e as miúdas acham graça a ter a louça diferente.Uma destas manhãs, agarrei na primeira taça que vi e coloquei lá a papa de aveia para a Maria. Em 5 minutos a Lara começa a chorar, primeiro baixinho e depois numa berraria. Aquela era a taça dela e ela não queria, de maneira nenhuma, que a Maria a usasse.Primeiro enervei-me um bocado. (...)
Qua | 13.06.18

Eu e a Lara: diferenças e semelhanças

Purpurina
 Dizem que a Lara é parecida comigo. Eu acho que é uma boa mistura entre mim e o pai com mais características minhas: físicas e psicológicas. Mas, olhando bem para ela, é diferente de mim em muitas coisas. É parecida comigo mas está longe de ser igual. E ainda bem.Fisicamente até é parecida nos traços mas tem cores diferentes. A cor da pele é diferente, a cor dos olhos, do cabelo.Psicologicamente é, de facto, mais parecida comigo: é tímida como eu mas muito expansiva (...)
Seg | 11.06.18

Quem me dera que fosse sempre assim!

Purpurina
  As minhas filhas estão naquela fase fantástica - e que suspeito que não dure muito - de adorarem limpar. Sempre que sujam algo não se coíbem nada de agarrar no aspirador pequeno ou num pano para limparem tudo.E a Lara ajuda-me mesmo muito aspirando e limpando debaixo das mesas onde, com uma barriga enorme de 7 meses de gravidez, já não consigo chegar sem me torcer toda. E ela limpa bem, muito bem até!A Maria também adora limpar e chega a gritar por um pano para limpar o (...)
Dom | 10.06.18

Diferenças entre as minhas filhas

Purpurina
As minhas filhas são muito diferentes. Física e psicologicamente. Já estamos habituados a que assim seja e até gostamos muito de ter filhas com características tão diferentes, mas não deixo de me espantar pela forma como essa diferença se manifesta em tudo.Quando vamos até à praia a Lara enfia-se logo na areia: rebola, manda areia ao ar, faz buracos, bolos de areia... enfim, quando chegamos a casa ela tem areia por todo o lado, metida nas unhas e colada à cabeça. É assim (...)
Sab | 09.06.18

Ela "arrumou" o quarto todo sozinha

Purpurina
A Lara chegou ao pé de mim toda feliz e disse que tinha arrumado o quarto todo.Disse-me para ir ver e eu fui.À porta, deparei-me com este belo cenário:   Andando mais um pouco deparei-me com o "segredo" do método. A Lara enfiou os brinquedos todos no berço da Maria! Perante este cenário hilariante não pude fazer outra coisa que não dar-lhe umas dezenas de beijos. Coisa mais safada e fofa da sua mãe. :D