Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Ter | 31.10.17

As crianças têm sempre razão

Purpurina
  Ontem  a minha filha mais velha, de 3 anos e meio, passou o dia a fazer birras. Choramingava por isto ou por aquilo, aborrecia a irmã mais nova, quando saímos de casa não andava direita, sentava-se no chão, pedia colo a toda a hora e o mais comum de tudo: fazia constantemente o contrário do que lhe dizíamos para fazer e desafiava-nos a toda a hora. Confesso que perdi a paciência várias vezes, principalmente quando estávamos fora de casa. Falei mais vezes do que gostaria de (...)
Seg | 09.10.17

Recortes dos nossos dias

Purpurina
 Hoje, quando estavamos a sair de casa de um casal de amigos, o nosso amigo tinha a Maria ao colo e a determinada altura dissemos à Lara que a Maria ficaria na casa dos nossos amigos naquela noite (ou durante uns dias, não sei). A Lara voltou imediatamente para trás, aflita e disse que não, que a Maria tinha que vir connosco para casa. Eu perguntei porquê, já que têm tido tantos desentendimentos.  Ela, com um ar mesmo aflito disse: "Porque eu gosto dela." E havia tanta verdade (...)
Dom | 27.08.17

Fazer férias com várias crianças pequenas - Santa Maria 2017 #4

Purpurina
 Quando surgiu a oportunidade de fazer férias com os nossos amigos que têm dois filhos pequenos achei logo a ideia maravilhosa.  Gosto de pequenos ajuntamentos de pessoas e as melhores memórias que guardo da infância são os momentos em que me juntava com os meus primos e fazíamos uma pequena bagunça todos os dias. São memórias que guardo na mente com muito carinho e que, sem dúvida, me fazem desejar muito proporcionar às minhas filhas uma infância com muito convívio com (...)
Dom | 23.04.17

As minhas filhas têm brinquedos mais do que suficientes

Purpurina
A Lara e a Maria têm mais brinquedos do aqueles de que precisam.Existem muitas crianças que têm muitos mais (certamente muitas crianças terão menos) mas, olhando para todos os brinquedos que têm, sei que são mais do que suficientes.Apesar disso, brincam com todos. Não há nenhum brinquedo com que nunca tenham brincado.Não os tenho todos disponíveis por uma questão de arrumação física e mental. Não temos muito espaço no quarto delas e acredito que se tiverem tudo à (...)
Sex | 05.08.16

O melhor que podemos dar aos nossos filhos

Purpurina
 Para além de cuidar das suas necessidades básicas como a alimentação, a saúde e a educação devemos dar-lhes muito amor.Parece uma coisa básica (e é, sem dúvida) mas não é tão fácil como parece.Desde que sou mãe que sei mais sobre o amor dos pais pelos filhos. Sei como é, que ele existe mesmo quando não se manifesta em gestos e palavras e que ( salvo exceções que quero acreditar que são mesmo muito raras) todos os pais e mães amam os filhos mais do que tudo na vida.