Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Qua | 11.10.17

Elas adoram estas sopas!

Purpurina
 Na verdade são cremes de legumes e não sopas. Faço cremes porque dão menos trabalho e porque as miúdas gostam mais. Os da Lara levam sempre com croutons que ela nunca dispensa. Elas gostam mais de uns cremes do que de outros mas há três que não falham. A Maria chega a comer com tal voracidade que parece que lhe estamos a dar as melhores papas do mundo, consola a ver. Geralmente o nosso jantar é sempre uma sopa de legumes e uma peça de fruta da época. Seguem as receitas (...)
Dom | 25.06.17

Sim, aos 3 anos continuo a não dar doces à minha filha

Purpurina
  Sempre tive plena consciência de que os doces não fariam parte da alimentação das minhas filhas, assim como não fazem da minha e da do pai.Comigo, nem sempre foi assim.Até à idade adulta comia doces praticamente todos os dias. Não estou a falar de comer uma sobremesa ou um bolo por dia. Estou a falar de comer sacos cheios de caramelos de nata, gomas ou chocolates em menos de nada. Sempre fui muito gulosa (ainda sou) e tenho verdadeira compulsão por comida. Até que, (...)
Dom | 04.06.17

O drama da sopa - Fizemos tudo mal

Purpurina
 Ou quase tudo. Nem sei. Ainda há pouco falei neste post das birras que a minha filha não fazia.Até que teve varicela e ficou mais sensível (ainda mais do que já é) e chorava  e berrava por tudo e por nada. E, como é típico (cá por casa), depois de ter estado doente durante algum tempo, espera as mesmas abébias que teve durante dias: comer na sala, comer mais coisas e (...)
Qui | 25.05.17

Espécie de diário sobre coisas em geral #1

Purpurina
Os dias estão maiores e mais luminosos. Gosto disso.   Continuo no yoga e gosto cada vez mais. Aquela hora, duas vezes por semana, é o meu pequeno luxo. Mal entro na sala, sinto-me logo relaxada e tranquila. O difícil é manter os olhos abertos.  Às vezes penso que quem reparar em mim e vir que estou de olhos fechados numa altura em que estejamos apenas a conversar, deve pensar que sou maluca ou algo assim. Mas o facto é que me sinto tão descontraída que as pálpebras se fecham (...)
Seg | 22.05.17

O nosso pequeno almoço de fim de semana

Purpurina
Cá em casa quem faz panquecas como deve de ser é o Milton. De modo que, ao fim de semana (pode ser no sábado ou no domingo), o pequeno almoço é composto por pnquecas com tudo a que temos direito, que é como quem diz: com o que quer que tenhamos em casa e que sirva para por nas panquecas. O fim de semana passado não foi exceção: panquecas com ovo, bacon frito (apesar de quase não comer carne vermelha, comi um bocadinho), doce, mel, morango e limonada.Ainda não estou na fase de (...)
Ter | 09.05.17

Bolinhos de cenoura divertidos

Purpurina
  Cá em casa raramente há bolos cheios de açúcar. Não há batatas fritas, salsichas, bolos e bolachas, rebuçados, chocolates (excepto chocolate preto), gelados, pudins e snacks do género. O que faço, praticamente todas as semanas, são bolinhos sem açúcar ou com muito pouco açúcar mascavado. Antes, ainda tinha bolachas Maria no armário. Agora nem isso. Em abono da verdade, a minha filha mais velha sempre comeu muito bem todos os bolos sem açúcar que fiz (e a mais nova (...)
Sab | 29.04.17

Como fazer pasta de tâmaras

Purpurina
 Desde que fiquei grávida da minha filha mais velha e tive diabetes gestacional que passei a fazer bolos sem açúcar. Nem todos são sem açúcar, alguns levam açúcar mascavado (o minimo possível), mas a maioria é mesmo sem açúcar. Normalmente faço bolos de fruta  que não precisam de mais doce que o da própria fruta mas, para os que precisam de um adicional de doce (bolo de nozes, de especiarias ou de alfarroba, por exemplo) uso pasta de tâmaras. Ficam mesmo muito bons e é (...)
Sab | 22.04.17

Como e porque comecei a alterar a minha alimentação

Purpurina
 Comecei a mudar a minha alimentação há alguns anos e devido a uma série de fatores (nem todos positivos e acertados).Lembro-me de haver uma altura da minha vida (no secundário e nos primeiros anos de universidade) em que comia bifes com batatas fritas, hambúrgueres e doces, quase todos os dias. Nos picos da juventude (e loucura) chegava a comer um hambúrguer, cheio de molhos, com coca-cola, ao pequeno-almoço.Depois, lá pelos 21 anos, decidi que queria ser mais magra. Ficava (...)
Dom | 19.02.17

10 coisas que a minha filha nunca come

Purpurina
 Estou a falar da Lara, de 3 anos, porque a Maria ainda tem só 7 meses, mas a ideia é aplicar isto a toda a família: pais e filhas. Confesso que, por ser muito gulosa e ter intolerância à glicose, sou especialmente chata com os açúcares. No entanto, não me considero radical. A partir dos 2 anos, a Lara começou a experimentar bolos caseiros (lá muito de vez em quando) embora eu prefira fazer bolos sem açúcar em casa, gelados e um ou outro enchido (muito raramente). Mas há (...)
Qua | 15.02.17

Motivos de orgulho e de vergonha na minha dieta

Purpurina
 Pensei durante uns segundos se lhe ia chamar dieta ou não mas, de acordo com o dicionário, dieta significa regime alimentar, que pode estar associado ou não a um segmento de tempo (como no caso de dietas para emagrecer ou para engordar). No meu caso, sempre que me referir à dieta, refiro-me às minhas escolhas alimentares. Posto isto, resolvi fazer uma reflexão sobre as coisas que estão a correr bem e as que estão a correr menos bem na minha dieta. Vamos dividir isto em (...)
Qua | 07.12.16

Tag "A minha alimentação"

Purpurina
TAG – Minha alimentação1. O que costumas comer no teu dia a dia?Pão integral, leite, iogurtes naturais, queijo (muito queijo), legumes, leguminosas, batata doce, frutos secos, ovos, carne branca e peixe.2. Preferes doce ou salgado?Gosto de comer, assim em geral. Mas, se tivesse mesmo que escolher entre um e outro, optaria pelo doce.3. E quanto a dieta, preocupas-te com isso ou comes sem pensar no amanhã?Sim, preocupo-me com a minha alimentação e com o que como. Não tanto por (...)
Ter | 11.10.16

Uma das coisas que mais me lixa a dieta

Purpurina
É o pão.Adoro pão.Acho que posso afirmar que sou viciada em pão: de trigo, de centeio, de milho... Não interessa, papo tudo.O meu "prato preferido" é pão com queijo, desde que seja um bom queijo, embora goste muito com manteiga (quando o pão é mesmo muito bom).Adoro pão alentejano, caseiro, croissants, brioches, de canela, de banana, com passas, de espinafres e todo o tipo que se possa imaginar.O meu preferido é o pão indiano, achatado como uma panqueca, cheio de especiarias e (...)
Dom | 18.09.16

O que comer durante a amamentação

Purpurina
 Dois meses e meio depois de ter sido mãe pela segunda vez, ando com um apetite voraz e oscilações de peso.Já tive 55 kg e voltei a engordar 1,5 kg.Tenho comido muitos hidratos de carbono. É certo que estou a amamentar em exclusivo mas não é só isso. Sempre que fico mais cansada ou ansiosa, fico cheia de vontade de comer doces e hidratos de carbono, especialmente pão.Sou seguida por uma nutricionista excelente, no Centro de Saúde, e a coisa está mais ou menos controlada mas (...)
Ter | 26.07.16

Amamentar dá uma fome de dragão

Purpurina
Ok. Sempre fui uma pessoa com um apetite considerável.Bem... Em criança era muito esquisitinha para comer mas, depois da adolescência, fiquei com um apetite de pessoa que anda de enxada na mão o dia todo.Mas, minha gente, agora é demais. Uma hora depois de comer, ando esganadíssima. Chego a sentir um buraco no estômago. Tenho comido muito bem às refeições e ainda como gelados várias vezes por semana. E continuo a sentir que podia comer o dobro do que como e nunca ficar (...)
Dom | 17.07.16

Comi isto tudo #7 pequeno-almoço e doces

Purpurina
A refeição mais importante para mim é o pequeno-almoço.   Habituei-me a comer bem ao pequeno-almoço e tiro verdadeiro prazer de comer aqueles pequenos-almoços de hotéis, infinitos e variados, e ficar ali durante uma hora inteira a saborear pãezinhos, frutas, crepes e alguns docinhos. Claro que não tomo o pequeno-almoço num hotel muitas vezes e, nos dias comuns (quase todos) tenho que me amanhar na mesma.  Mas, continuo a comer quase invariavelmente as mesmas coisas: um (...)
Ter | 12.07.16

Comi isto tudo #5 Lanches

Purpurina
Uma das minhas maiores preocupações e áreas de interesse é a alimentação. Já nem consigo dizer quando é que isto surgiu mas a  minha obsessão preocupação em seguir uma dieta saudável vêm acentuando cada vez mais. Acontece que adoro comer. E gosto de comer de tudo, inclusive coisas pouco saudáveis como doces. Acontece também que se seguirmos uma alimentação saudável mas demasiado restrita e causadora de stress, não estamos a fazer muito bem à nossa saúde. E como (...)
Sex | 24.06.16

Como organizar refeições para toda a semana

Purpurina
 Cá em casa não apreciamos muito cozinhar mas como temos que comer e, preferencialmente de forma saudável, temos que o fazer regularmente. Entre comer coisas diferentes todos os dias e ter mais tempo de qualidade juntos, optámos pela segunda opção, pelo que cozinhamos cerca de duas a três vezes por semana e sempre depois das 22h00 (que é o horário em que a eletricidade é mais económica de acordo com a nossa
Qua | 04.05.16

Não posso ficar sozinha em casa

Purpurina
 Ou como tudo o que existir no armário e no frigorífico. Acho que este é um problema que assiste às mulheres em geral mas há muito tempo que não me acontecia. Ontem fiquei em casa da parte da tarde e, mais ou menos uma hora e meia depois do almoço, deu-me um ataque de fome (daqueles completamente emocionais) e papei tudo o que vi à frente. Como não tenho doces em casa dirigi o meu ataque às bananas, pão, queijo, nozes, bolachas e capuccino. Vá, comi um pãozinho, uma mão (...)
Sex | 18.03.16

Ando com um apetite incontrolável!!!!

Purpurina
 Já nem sei se a gravidez pode justificar este apetite. O facto é que, logo depois de almoço, tenho uma vontade incrível de comer gelados. Hoje despachei um magnum de amêndoas como se não comesse há dias! E soube-me tão bem!!!!!E, logo a seguir, papei o lanche que só devia comer duas horas depois. Chegando a casa, pelas 17h30, como um pão de leite com queijo, um capuccino muito bem servido e uma taça de cajus. Aí sim, fico satisfeita.Não percebo este apetite (...)