Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Dom | 28.08.16

Lego: um brinquedo fantástico!

Quando era pequena não tive legos. Acho que preferia bonecas e, por algum motivo desconhecido, talvez achasse que legos eram brinquedos de meninos.Brincava, às vezes, com legos de amigos e lembro-me de gostar bastante. Gostava principalmente de construir casas, desmanchar e construir edifícios diferentes, cercas, jardins... coisas assim. Mas era algo que não acontecia com muita frequência pelo que a minha ligação com legos não se estabeleceu.Os legos de que me lembro tinham peças muito pequenas, nada adequadas para crianças com menos de 5 anos, pelo que nunca achei piada a legos para a Lara. Mas o Milton andava a querer arranjar um lego há algum tempo. Ainda andei a espreitar aqui e ali mas a verdade é que me pareciam muito caros para o número de peças que tinham (neste caso eram peças grandes mas pareciam-me muito básicas e infantis). A ideia que tinha de lego era de um brinquedo de construção que permitia dar azo à criatividade e para isso (na minha cabeça) teria que ter centenas de peças, todas quadradinhas e pequeninas.Bem... tanto andámos a pensar no lego que lá nos decidimos por um lego que permitia construir um camião de transporte de mercearias e uma lojinha.Não sem alguma desconfiança, fiquei a ver como a Lara reagia e o que fazia com aquele lego para 2 anos.Posso dizer que difícil foi deixar a Lara brincar. Eu praticamente queria construir e desconstruir coisas sem parar. Queria fazer diferentes tipos de camiões de mercadorias, fazer uma loja de legumes, uma loja de  produtos frescos, fazer prédios em cima do camião, numa espécie de autocaravana com arranha-céu... entre uma infinidade de hipóteses.Resumindo: adorei o lego! É muito giro, as peças são amorosas e é extremamente criativo. Muito diferente do que estava à espera.De facto, não é um brinquedo dos mais baratos mas, sem dúvida, que é um dos melhores para crianças a partir dos 18 meses. E a qualidade das peças também me parece ser excelente.Parece-me que este vai ser apenas o primeiro de um conjunto de legos que vamos ter para a família brincar.O da Lara é o do meio, nas imagens abaixo, mas os outros também me parecem fantásticos para crianças da idade dela (a partir dos 2 anos).Se clicarem nas imagens podem ver os preços e as características dos Legos.lego 4lego 3lego 6lego 7lego 5lego 2lego

8 comentários

Comentar post