Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Vinil e Purpurina

Parafernálias sobre a minha vida e a minha mente.

Sex | 01.04.16

Arroz de tomate na bymbi

 arroz de tomate


Nunca fui grande fã de arroz como acompanhamento, ainda menos de arroz de tomate.

Lembro-me de comer arroz de tomate quando era mais pequena e de não gostar do sabor, que achava muito forte e desagradável.

Também não gosto especialmente de arroz branco, arroz chau chau ou outro arroz qualquer. Arroz, para mim, só arroz doce. Disso eu gosto e muito. 

Ainda assim, no outro dia, decidi fazer um arroz na bymbi. Normalmente só uso a bimby para doces, sopa e molhos mas apeteceu-me fazer algo diferente e que nunca faço: arroz.

Perguntei ao Milton que tipo de arroz queria e ele disse que queria arroz de tomate. Procurei uma receita e propus-me a fazer o melhor arroz de tomate que conseguisse. Com a bymbi não havia de ser muito difícil.

E não é que ficou muito bom?! Ficou mesmo bom. O melhor arroz de tomate que já comi: saboroso, cozido no ponto e cremoso. Mesmo um dia depois, ainda estava com uma boa consistência e muito saboroso, mas comido na hora é divinal.

Fizemos para acompanhar iscas mas, como não ficaram muito boas e não fui eu que fiz, não vou deixar a receita. Só partilho com vocês coisas boas. 

Arroz de Tomate na Bymbi

  •  1 cebola
  • 2 dentes de alho
  • 200 g tomate natural
  • 50 g azeite
  • 400 g arroz agulha (ou carolino se não tiverem agulha)
  • meio pimento vermelho
  • 1200 g água
  • sal, q.b.

Colocar no copo a cebola, o alho, o tomate e o azeite, picar 5 seg/vel 5 e refogar 5 min/Varoma/vel 1.

Adicionar o arroz, a água, o sal e programar 18 min/100°C/velocidade colher inversa.


Servir de seguida.

Rende entre 6 a 8 doses.

Receita original aqui

6 comentários

Comentar post